fbpx

Dezembro Laranja: como a farmácia clínica pode influenciar no tratamento do câncer de pele

Segundo dados do INCA, o câncer de pele é o mais frequente no Brasil e no mundo e pode se manifestar de duas maneiras: o tipo melanoma (mais grave) e o não melanoma. O tratamento da doença pode variar dependendo do estágio em que foi diagnosticada e do quadro clínico de cada paciente, mas as principais formas de combatê-la são por meio de cirurgia, radioterapia e/ou quimioterapia.

De acordo com o estudo COMBI-AD, um dos tratamentos quimioterápicos mais eficazes para combater o tipo melanoma é por terapia-alvo adjuvante. A combinação entre os medicamentos dabrafenibe e trametinibe trouxe um resultado bastante positivo com um aumento significativo da sobrevida sem recidiva do grupo de pacientes em terapia combinada (59%) em comparação ao grupo placebo (38%) do estudo.

Atualmente, a AVFARMA vende ambos os medicamentos indicados para este tratamento do melanoma e oferece, dependendo da região, entrega sem custo adicional dessas formas farmacêuticas. Além disso, na compra de qualquer medicamento oral, o paciente garante, também sem custos adicionais, o acompanhamento de nossos farmacêuticos clínicos durante o tratamento. O apoio da farmácia clínica é um diferencial, uma vez que nossos profissionais farmacêuticos podem observar os pacientes de perto, esclarecer suas possíveis dúvidas e até mesmo orientá-los em relação a administração desse tipo de terapia combinada.

Ademais, o farmacêutico é capaz de analisar o paciente sob todos os aspectos, considerando as melhores formas de garantir melhor qualidade de vida, administrando possíveis efeitos colaterais da medicação, doenças de base ou quaisquer dificuldades na adesão a farmacoterapia durante o tratamento. Os orçamentos solicitados na AVFARMA podem ser feitos em nosso site, pelo telefone ou por e-mail mediante envio do pedido médico.

Clique aqui para fazer seu pedido!

Fonte: Oncologia Brasil